sexta-feira, 21 de agosto de 2009

À Espera do Sol

À Espera do Sol

Tomba o ocaso em mealhas de luzes
N'um suspiro derradeiro afoga-se na noite
O silêncio é gozo no ventre das planícies
Tudo imoto e quedo... Nubiloso açoite!

A lua minguada tristuras rasa, saudades
Plangentes balbucia: P
orque maduras teu ninho
No seio da aurora, óh doce cotovia... Rouxinóis
Não desabrocham-me em clinas de Poesia!?

Lua de tantos versos... Peregrina amante! O
Fado do teu Amor espelha o destino meu, na
Esperança sempre, do sol, por um instante!

Cegam as estrelas espessos véus, contemplo o
Negro mar deste momento! Vergasta a ventania
Cuspindo escuridão aos meus olhos... Tredo céu!

Enquanto meu coração anseia o peito soalheiro do teu
.......................................................... Dia!

By Iza
15/08/2009


Direitos Autorais Reservados

10 comentários:

daufen bach. disse...

Olá querida poet(IZA),

ate lendo e me deliciando com os teus versos. pra mim sempre um fonte de inspiração essa tua poesia maior.

abraço terno a ti e luz sempre!
tenha um lindo fim de semana.

daufen bach.

Renato Baptista disse...

Deveras lírico esse seu poema fantástico...trafegas por mares cada vez mais clássicos, exprimindo as vertentes do teu coração.
Lindo demais Afilhada.
Beijo* grande e esteja com Deus

Lucia disse...

Beijos, amiga

Bom domingo!

MARIA NELLY disse...

LUA DE TANTOS VERSOS...PEREGRINA AMANTE...LINDO, LINDO!!!!
BELÍSSIMAS POESIAS!!!!
BEIJOS MEUS

Wanderley Elian Lima disse...

OLá Iza, obrigado pela visita, adorei seus poemas. Estou te seguindo.
Tenha uma linda semana.
Beijos

Beatriz Prestes disse...

Iza, minha querida......
Tua poesia é como raio que corta o céu!!!
Invade...causa pensamentos, jorra tudo quanto se sente e é tão difícil de explicar....
Te amo querida...muitão!
Minha reverência de sempre, à você que é para mim...única!
Beijão carinhoso
Bea

Ah.......adivinha o que vou fazer de almoço neste domingão??rsrs
Obrigada linda!!!!

Poesia do Bem disse...

Como sempre maravilhoso vir aqui! Lindo demais!

Miguel Eduardo Gonçalves disse...

Carinhos enriquecem
Linhas harmoniosas
Dão feição distinta a cada verso
Que o permaminho acolhe
E cada poema, uma obra ensolarada!

Bjs., Miguel-

António Manuel disse...

Iza:

Agradeço muito seu carinho, seu comentàrios me deixam màis motivado:

Estar aqui e compartilhar estes lindos momentos de leitura è algo Maravilhoso!

Serèi lhe sempre gràto

Tenha um otimo fim de semana

Com carinho abraços meus


Antònìo Manuel

NexCool disse...

Maravilhoso o texto

até
boa noite