sábado, 15 de agosto de 2009

Aurora de Ti

Aurora de Ti

Mesmo a distância, quanto te sei
Delineio cada traço, cada pedaço de ti! Os
Dedos da memória cinzelam no pensamento
Teu arco-íris d´alma... Levez de colibri!

Tua barba por fazer, logo de manhãzinha
Na rouca nudez dos anseios, relvando em
Arrepios minha dança morena... Aurora
Minha boca n´um sol de loucos floreios!

As batidas miudinhas do teu feliz coração
Na surdina do céu desta hora, de repente
Rufam tambores... Desatinam a respiração!

O entalhe das tuas mãos n´um proclame de
Vontades, qual fossem reféns de mim, costuram
Em cetins os suspiros da minha saudade...

Desatrelando meus versos dos cintos da
................................. Castidade!

By Iza
21/03/2009


Direitos Autorais Reservados

8 comentários:

daufen bach. disse...

Olá Poet(IZA)

(...)Desatrelando meus versos dos cintos da Castidade!

que coisa bonita esse teu poema! tu sempre fala de amor divinamente, teus poemas possuem uma carga de lirismo e sentimentos que, qualquer um que te leia, percebe a grande poeta que és e, sim, teus versos sempre lindamente castos. a poesia lúbrica é uma faca de dois gumes...rs. eu me aventuro de vez em qdo nesses meandros mas sempre tentando, com o máximo cuidado, não vulgarizar para não cair em interpretações chulas. tu tem maestria e conhecimento e sensibilidade para despir todos os teus versos.

Um abraço terno a ti e tenha um lindo final de semana poet(Iza).

daufen bach.

Judite (Dite) disse...

Olá Iza.
Que a Aurora continue a despertar este sentimento tão profundo e nos presenteies com os mais belos versos.
Lindo, lindo....
um beijo,
Judite

Poesia do Bem disse...

lindo demais amiga!!!!!!!!! vim visitar e dizer que tenho selinho no meu blog pra vc , confira! bjsssssssssssss

Lucia disse...

Oi, querida Iza,

Obrigada pela passadinha no meu blog. Pegaste o selinho?

Bj e boa semana!

António Manuel disse...

Iza:

Bom Dia!

È sempre para mim uma grande satisfação receber, seus comèntàrios

Eles me dão uns grande carinho e fortalecem nossa Amizade:

Serei lhe eternamente Gràto

Querida Amiga ainda estou de fèrias em Bragança cidade de Tràs os Montes de Portugal, aproveitando o Sol e o ar das montanhas è Maravilhoso estar aqui:

Tenha uma semana cheia de realizações!

Com Carinho Abraços Meus

Antònio Manuel

REGGINA MOON disse...

Iza,

Mais uma grande alegria poder ler um poema seu, maravilhoso...
Talento & sensibilidade...é o que encontramos aqui no seu espaço!

Grande beijo e ótima semana!

Reggina Moon

A.S. disse...

IZA...

Belo poema!

Cada palavra são suaves caricias...


Meus beijos!

Barbara Bastos disse...

Adorei tudo. Parabéns pelas imagens e pela delicadeza com que escreves os textos aqui postados.
Também tenho um blog. Lá coloco minhas ideias, opiniões, criações...desde já convido vc a conhecer.

Passarei sempre por aqui.

Bjs
Barbara